Historiadora disponibiliza oficina sobre uso de fontes primárias da ditadura militar em sala de aula

Material pode ser baixado gratuitamente no blog “Falando da Ditadura”.

Agência Café História

A historiadora Caroline Silveira Bauer, professora do Departamento de História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, disponibilizou gratuitamente em seu blog, “Falando da Ditadura”, o material completo da oficina “Trabalhando com fontes primárias sobre a ditadura civil-militar brasileira em sala de aula”. A atividade foi desenvolvida pela professora há alguns anos e desde o último dia 29 de março está disponível para download. Além do roteiro, estão disponíveis também documentos sobre militância, dados sobre desaparecidos, listas bibliográficas, indicações de sites, entre outros arquivos necessários para a reprodução da oficina.

Prontuário
Prontuário 1545, de Edmur Pericles de Camargo. Fonte: Arquivo Público do Estado de São Paulo.

A proposta de Bauer pode ser aplicada nos nonos anos do Ensino Fundamental ou no Ensino Médio. Segundo explica a historiadora, o objetivo da oficina é problematizar conceitos históricos e o manuseio de fontes primárias. Para isso, a atividade foca no caso do desaparecimento de Edmur Péricles Camargo, militante da organização M3-G (Mao, Marx, Marighella, Guevara). Clique aqui para conferir o material.

O “Falando da Ditadura” é Blog de divulgação histórica e disponibilização de recursos didáticos para o ensino da história da ditadura civil-militar brasileira e está vinculada ao Laboratório de Estudos sobre os Usos Políticos do Passado (LUPPA).

Com informações de “Falando da Ditadura”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*